[Resenha] Scribblenauts Unlimited – Nem o céu é o limite

scrib

Scribblenauts Unlimited é um jogo de puzzles (os velhos quebra-cabeças) desenvolvido pela 5th Cell para Nintendo 3DS, Wii U e PC. Esta resenha será sobre a versão de 3DS.

Responda rápido: numa luta entre um gigante flamejante vermelho colossal e Deus, quem vence? Bom, eu também não sei, mas com Scribblenauts Unlimited essa resposta pode ser facilmente obtida.

E basicamente é sobre isso que o jogo é, ir até o limite da sua imaginação para resolver alguns puzzles. Em Scribblenauts Unlimited você controla o garoto Maxwell, portador de um caderno capaz de matar qualquer um cujo nome for escrito de criar qualquer coisa. Você digita “casa”, aparece uma casa. Você digita “dragão”, aparece um dragão. Você digita “poste voador demoníaco feliz saltitante azul morto” e aparece esse negócio ai. A base do jogo é usar esse caderno e seu poder de criação para resolver algumas “missões” e receber Starites, que são uma manifestação da felicidade e gratidão daquela pessoa/peixe/monstro/criatura qualquer que você ajudou.

Scribblenauts Unlimited difere-se um pouco de seus antecessores por ter algumas inovações e um enredo. Tudo bem que não é o melhor enredo do mundo, mas é bem simples e bem divertido. Assim que comecei o jogo me surpreendi, pois há uma abertura que conta a história do jogo dublada em português! E muito bem dublada, por sinal. Eu já sabia que os jogos, desde o primeiro, sempre tiveram a opção de português brasileiro, o que atrai ainda mais o jogador, mas essa dublagem foi simplesmente surpreendente. Outra mudança foi a mudança do foco do jogador na criação de objetos/criaturas. Como assim? Acontece que nos jogos antigos você entrava numa missão (ou mesmo a tela inicial) e podia ficar por horas apenas criando coisas estranhas e testando teorias enquanto viajava pelo tempo, mas agora existem tantas coisas para fazer que você quase nem pensa mais em parar pra ficar criando centenas de objetos. Pelo menos comigo foi assim.

Scribblenauts-Unlimited-TQ1-600x378

A pequena família de Maxwell.

Os gráficos de Scribblenauts sempre foram bem simplistas, lembrando bastante os traços de desenhos animados como Hora da Aventura (Adventure Time pros hipsters) e em Scribblenauts Unlimited os gráficos estão lindos, bem coloridos e bem limpinhos.

Uma coisa que me deixou decepcionado com o jogo de 3DS é que ele não possui a função de edição de objetos, função essa que te permitia criar coisas como um cachorro com rodinhas ou até mesmo o Goku, se você tivesse paciência. Além disso, assim que o jogo foi anunciado, foi revelado que essa versão viria com a possibilidade de criar personagens da Nintendo e da Warner, como o Link, Mario, Epona, Ganondorf, Zelda, Peach, Batman, personagens do Mortal Kombat e até mesmo do Scooby-doo! Infelizmente não temos essas possibilidades no 3DS. A versão de 3DS acabou por ser uma versão mais fraca do jogo.

ss (2013-03-11 at 12.53.08)

Algumas belezinhas criadas com o editor de objetos.

Apesar disso, Scribblenauts Unlimited é muito divertido e com certeza vai te arrancar umas risadas, porque o jogo tem momentos muito sem noção, como o monstro que nunca se viu no espelho e quando se vê fica triste por ser feio demais (quem nunca?).

Você se considera uma pessoa criativa? Se sim, Scribblenauts Unlimited é o jogo perfeito para você. Se não, Scribblenauts Unlimited vai lhe render boas horas de diversão. Recomendo a versão de pc, pela função de edição de objetos, mas qualquer uma que você jogar, até mesmo os jogos antigos como Scribblenauts e Super Scribblenauts, será diversão garantida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s